ktb
Fevereiro 2016
ktb
ktb KTB    ktb Mama Natura    ktb Sais de Schussler info@ktb.pt | www.ktb.pt
KTB
KTB

Já pela época de 400 a.C., Hipócrates escreveu "o leite de bovino é causador de urticárias e desconforto intestinal"...

De acordo com o Instituto Nacional de Estatística, o consumo de leite e seus derivados tem vindo a decrescer desde 2008. No ano passado, o consumo de leite de vaca caiu 7%. Este facto deve-se a uma consciência, cada vez maior, dos efeitos secundários, ao nível da saúde, associados ao consumo de leite.

Durante várias décadas acreditou-se e defendeu-se que o consumo de leite ao longo da vida iria trazer inúmeros benefícios para a saúde, entre os quais um crescimento saudável e a prevenção de osteoporose. Na qualidade de mamíferos que somos, o leite é de facto um alimento fundamental para o nosso desenvolvimento nos primeiros meses de vida. Contudo, o leite que é essencial ao desenvolvimento nos primeiros tempos de vida é o leite materno e não o leite de vaca ou de outros animais.

Um bebé quande nasce deverá ser amamentado até aos 6 meses ou idealmente até aos 12 meses de idade, período no qual, segundo a Organização Mundial de Saúde é de extrema importância. A partir desta período não são necessárias fontes lácteas. Caso a Mãe não tenha hipótese de amamentar por este período, então há que considerar a introdução de leite em pó até que o bebé complete 1 ano. É já científicamente conhecido que o consumo de leite de outras espécies (vaca, cabra ou ovelha) a partir dos 12 meses, e ao longo da vida adulta, levará inequivocamente a maiores complicações para a saúde do que a benefícios para esta.

Já pela época de 400 a.C., Hipócrates, conhecido como “o Pai da Medicina”, escreveu numa das suas obras que “ o leite bovino é causador de urticárias e desconforto intestinal”. E hoje sabe-se que de facto, tanto as alergias como as disfunções intestinais estão muito relacionadas com o consumo de laticínios, sobretudo o leite.

Ao longo do crescimento do Homem, desde o nascimento até à fase adulta, os níveis da enzima lactase que faz a digestão do açúcar do leite – lactose - vão diminuindo no organismo, o que faz com que a digestão deste alimento seja cada vez, com o passar dos anos, mais difícil para o organismo. Esta diminuição da enzima lactase no nosso organismo não nos torna alérgicos ou intolerantes à lactose, mas sim pouco tolerantes ao seu consumo. O leite materno é o leite com maior quantidade de lactose quando comparado com o de outros animais, todavia, na altura em que o estamos a consumir temos maior quantidade da referida enzima em circulação no organismo.

Um outro problema relacionado com o leite, sobretudo com o de vaca, é o facto de hoje em dia o gado bovino (bem como a grande maioria dos animais para consumo), ser medicado com vários medicamentos químicos de síntese (antibióticos, anti-inflamatórios, hormonas, entre outros), cuja metabolização é excretada para o leite.

Então e o cálcio...?

Relativamente ao aporte de cálcio para o organismo, um dos grandes “benefícios” apontados ao consumo de leite, este está presente em grandes quantidades e de uma forma mais biodisponível nos legumes de folha verde escura, algas, feijões, sementes (sésamo, xia, linhaça, abóbora, girassol) e oleoginosas (amêndoas, nozes, castanhas do Brazil). Havendo uma ingestão diária deste tipo de alimentos, associado a um organismo com pH alcalino, consumo adequado de água e prática de exercício físico prazeroso, não haverá fragilidades ósseas.

Através da administração de medicação homeopática, nomeadamente dos Sais de Schussler consegue-se atenuar alguns dos efeitos secundários que o consumo de laticínios possa ter desenvolvido.

KTB
produto KTB

Sal nº 4 Kalium chloratum

Melhora a saúde das mucosas como por ex. em situações de secreções respiratórias caracterizadas por excesso de muco

2 comprimidos sublingual antes do pequeno-almoço

ler mais »
produto KTB

Sal nº 9 Natrium phosphoricum

Alcalinização do pH celular

2 comprimidos sublingual antes do almoço

ler mais »
produto KTB

Sal nº 10 Natrium sulfuricum

Contribui para a desentoxicação hepática

2 comprimidos sublingual antes do jantar

ler mais »
KTB
AGENDA DAS PRÓXIMAS FORMAÇÕES
KTB

DIA 2 DE ABRIL – ALGARVE

DIA 09 DE ABRIL – PORTO

DIA 16 DE ABRIL - LISBOA

Inscrições: info@ktb.pt
Tel: 21 418 8407/ 21 417 7672
Tlm: 91 439 6267

KTB
produto KTB

Prelief®

2 comprimidos três vezes ao dia de preferência com as refeições

ler mais »

O Prelief® consegue impedir a ação irritante e inflamatória sobre as mucosas, para além da mais valia de adicionar cálcio à dieta.

Ao consumo de laticínios está muitas vezes associado desconforto abdominal. Uma vez que existe uma digestão complicada dos laticínios, as mucosas digestivas poderão inflamar e resultará naturalmente numa acidificação do pH. Outras consequências sucedem, nomeadamente a solicitação de determinados minerais por parte do organismo.

Através do glicerofosfato de cálcio presente no Prelief®, consegue-se neutralizar os radicais ácidos, impedindo a ação irritante e inflamatória sobre as mucosas gastrointestinais (bem como urinais), para além da mais valia de adicionar cálcio à dieta.

KTB
KTB

Sabia que...

Existem bebidas vegetais produzidas com ingredientes de qualidade sendo muito saudáveis, nutritivas e pouco calóricas que podem substituír o leite de vaca?

Podemos enriquecer a nossa alimentação com:

Bebida de arroz:
A bebida de arroz não deve ser confundida com a “água de arroz”, normalmente usada quando sofremos de diarreia. Este “leite” é feito a partir de grãos de arroz frescos, moídos, cozidos e fermentados.

Bebida de aveia:
Uma bebida excelente para pessoas que querem perder peso. Tomá-la de manhã é ideal para obter uma boa dose de energia sem gorduras.

Bebida de amêndoa:
Esta bebida, uma das mais nutritivas, é indicada para crianças em fase de crescimento, pessoas com pouca energia e que precisam de um complemento alimentar.

Bebida de avelã:
Este ”leite” é cada vez mais consumido devido ao facto de que é a bebida com maior teor de antioxidantes.

Experimente estas bebidas...vai notar a diferença na qualidade e no sabor!

KTB
KTB

Morada Estrada Nacional 249/1 Edifício SKF, Lote 1, Casal de Alfragide 2720-413 Amadora
Telefone (+351) 214 188 407 / 214 177 672 Telemóvel (+351) 91 439 62 67
Fax (+351) 214 188 409 E-mail info@ktb.pt Site http://www.ktb.pt

© 2016 - KTB. Todos os direitos reservados.

KTB