Newsletter

   
KTB
show/hide Cesto de Compras (0 items)

Artrite reumatóide - Newsletter nº22

18/12/2013

 

ktb  
ktb
ktb
ktb
ktb
Dezembro 2013
ktb

ktbA Artrite Reumatoide é uma doença inflamatória sistémica e de carácter crónico, caracterizada pela destruição das articulações. É a artrite mais frequente, afetando aproximadamente 1% da população mundial. A incidência varia com a raça e a localização geográfica e aparentemente é baixa nos negros africanos e nos chineses. As mulheres são mais afetadas, sendo a relação de 3:1. Atualmente, a artrite reumatoide afeta aproximadamente 40 mil portugueses.


ktbA sua causa não é ainda totalmente conhecida, contudo existem suspeitas de que a doença ocorre em indivíduos geneticamente predispostos. O antigénio HLA-DR4 do linfócito B está presente em cerca de 70% dos doentes com Artrite Reumatoide. Entre os numerosos agentes implicados na etiologia patológica da Artrite Reumatoide estão vírus como o parvovírus, o vírus de Epstein Barr, bem como bactérias incluindo as microbactérias. Sabe-se também que alguns fatores como o stress emocional, má alimentação, falta de exercício físico, nomeadamente de alongamentos, podem contribuir para o aparecimento da doença.

ktbA Artrite Reumatoide caracteriza-se por provocar manifestações locais e gerais e por serem muito distintas. De facto, embora por vezes se evidencie através de sinais e sintomas pouco específicos, como mal-estar, cansaço, dores difusas e febre moderada, que precedem os sinais e sintomas ao nível das articulações, noutras ocasiões costuma manifestar-se por uma súbita inflamação articular. Para além disso, os sinais e sintomas ao nível das articulações tanto podem apresentar-se de forma repentina, manifestando-se ao fim de poucos dias, como de forma lenta, evidenciando-se apenas ao fim de vários meses.

ktb

ktbO sintoma mais comum é a dor, de maior ou menor intensidade consoante o caso, que se costuma evidenciar de forma alternada em várias articulações. Embora a dor tenha a tendência para aumentar progressivamente, em alguns casos, diminui ao fim de um certo período de tempo, após o qual volta a reaparecer, acentuando-se nos períodos em que a doença passa por uma fase aguda.

ktbUm outro sinal típico é a rigidez articular, uma sensação específica de dificuldade em efetuar movimentos que envolvam as articulações afetadas, sendo pior ao acordar e diminuindo ao longo do dia.

ktb

ktbÀ medida que a doença vai evoluindo, vai provocando uma característica debilidade dos músculos periarticulares, devido às lesões inflamatórias e à falta de exercício consequente da limitação dos movimentos provocada pela doença. Nas fases mais avançadas da doença, costumam surgir deformações mais ou menos evidentes das articulações afetadas, o que pode provocar uma deterioração do seu funcionamento e, nos casos mais graves, conduzir à invalidez.

ktbPor este motivo sugerimos, como coadjuvante com outros tratamentos, um protocolo terapêutico com os Sais de Schussler DHU, de forma a tornar a doença o mais assintomática possível.


Sais de Schussler

Fase Aguda

Sais de Schussler
Sal nº 3 Ferrum phosphoricum
Ação anti-inflamatória das articulações.
1 comprimido até 6 vezes por dia
saiba mais

Fase Crónica

Sais de Schussler
Sal nº 9 Natrium Phosphoricum
Dor e rigidez matinal.
2 comprimidos antes do pequeno-almoço
saiba mais

Sais de Schussler
Sal nº 10 Natrium Sulfuricum
Distúrbios reumatoides que pioram com o tempo húmido.
2 comprimidos antes do almoço
saiba mais

Sais de Schussler
Sal nº 11 Silicea
Para fortalecimento das articulações.
2 comprimidos antes do jantar
saiba mais


ktb

Fitoterapia
Aplicação externa dos seguintes óleos essenciais poderão ajudar a reduzir a inflamação: eucalipto, lavanda, camomila, calêndula, orégão ou bagas de zimbro. (Podem ser utilizados um ou mais óleos numa base de óleo de amêndoas doces.)

ktb

As plantas medicinais como a unha-de-gato, o alcaçuz, o harpagófito, a ulmária e o salgueiro poderão contribuir para uma maior saúde articular.

ktb

Alimentação
A dieta alimentar deverá excluir cereais refinados e totalmente o trigo, bem como as solanáceas ( por exemplo beringela, pepino, pimento verde), lácteos e açúcares.

Alimentos desintoxicantes, anti-inflamatórios e imuno-estimulantes, como algas, frutos vermelhos, oleaginosas como as nozes e as castanhas do Brasil, gengibre, açafrão-de-índia, sementes de chia, alfafa e ervas aromáticas, deverão ser potenciados.

Em caso de uso constante de:

ktb
  • aspirina, sugerimos alimentos ricos em Vitamina C (limão, laranja, kiwi); e
  • corticóides, sugerimos alimentos ricos em cálcio ( brócolos, couve-flor) e Vitamina D (peixe e camarão).
ktb

Medidas Complementares

  • Períodos de descanso, incluindo o repouso durante o dia
  • Apoio da família, amigos, colegas e grupos de ajuda (Andar - Associação Nacional de Doentes com Artrite Reumatóide)
  • Exercícios de alongamento e de reforço (Yoga, Pilates)
  • Osteopatia
  • Acupunctura
ktb

Vamos falar do gengibre...

ktb

ktbO gengibre (Zingiber officinale) é uma planta nativa do Oriente, facilmente encontrada na região sudoeste da Ásia – China, Japão, Tailândia -, Índia e África, e cultivada em países de clima tropical. A planta tem flores de coloração verde-púrpura que lembram as flores de outras espécies de plantas, e o rizoma (caule subterrâneo) é a parte mais consumida na culinária e na tradicional medicina oriental, sob diversas apresentações: naturalmente, em pó, em óleo essencial, em extrato, em forma de cápsulas, entre outras.

ktbNa cultura indiana, essa planta é utilizada em terapias de gripes, problemas digestivos, Artrite Reumatóide, estimulador de apetite, infeções urinárias e na prática Ayurvédica (como alimento que promove equilíbrio do homem e traz força); em África é a mais utilizada nos tratamentos de febre amarela e malária. Na medicina oriental, o gengibre é um dos produtos mais utilizados sendo normalmente prescrito para o tratamento de dores de cabeça, gripes e resfriados, doenças infecciosas em geral, doenças reumáticas (osteoartrite, Artrite Reumatóide e gota), regulador da tensão arterial e anti-inflamatório.

ktbNa culinária, o gengibre é muito utilizado como tempero para realçar o sabor e o aroma dos alimentos, e também sob forma de líquidos, tais como chás e demais bebidas.

ktbO gengibre é um alimento que possui um baixo valor calórico, além de conter alguns minerais importantes (como magnésio e potássio) e vitaminas (folato e vitamina B6). O gingerol é uma das substâncias ativas presentes no gengibre com ações benéficas ao organismo: anti-oxidante, anti-fúngico, anti-inflamatório, analgésico, antipirético, inibe a agregação das plaquetas evitando o aparecimento de trombos, ação cardiotônica e efeito protetor de células nervosas contra doenças degenerativas. O gingerol também é conhecido pela sua ação termogênica, auxiliando na perda de peso.

ktb

ktbÉ necessário salientar que se deve tomar cuidado com o consumo excessivo de gengibre (acima de 400mg por dia), pois alguns estudos mostraram que a alta ingestão pode provocar efeitos adversos, como aborto em mulheres principalmente no início da gestação (apesar de que em doses moderadas 200 mg/dia e pontualmente pode ser administrado na grávida para alivio de náuseas e vómitos), aumento do fluxo sanguíneo nas mulheres em período menstrual, surgimento de quadros de úlceras, azia e gastrite e aumento de cálculos renais.

ktb

Administração
Utilizam-se os seus rizomas frescos ou em pó. Tomar durante as refeições, 2 a 4 g por dia.

ktb

Compressa de gengibre
Esprema o sumo de 50 g de gengibre fresco ralado para um litro de água a ferver e depois junte o gengibre espremido. Deixe 10 minutos em infusão e embeba uma toalha que depois de espremida será utilizada sobre a zona afetada. O processo é repetido sempre que a toalha ficar morna, durante 10 a 30 minutos. É útil nas dores reumáticas crónicas, principalmente as que agravam com o frio.

ktb

ktb

ktbEsta altura do ano é propícia a alguns “abusos” alimentares quer para os graúdos, quer para os míudos. Por isso, frutas e verduras devem sempre fazer parte da ceia de Natal e de outras comemorações de fim de ano. As frutas contêm fibras, vitaminas e outros componentes que auxiliam no processo digestivo.

ktbO COLIKIND, da gama mamanatura® da Linha pediátrica DHU, contém Chamomilla e Magnesium phosphoricum na sua composição e vai ajudar a facilitar a digestão e tem um efeito calmante sobre as mucosas gástricas e intestinais.

Como tomar?
Na fase aguda – 5 glóbulos a cada hora ( no máximo 12 tomas diárias).



ktb
ktb
ktb
ktb
ktb
Morada Estrada Nacional 249/1 Edifício SKF, Lote 1, Casal de Alfragide
2720-413 Amadora
Telefone (+351) 214 188 407 / 214 177 672 Telemóvel (+351) 91 439 62 67
Fax (+351) 214 188 409 E-mail info@ktb.pt Site http://www.ktb.pt
ktb
ktb
ktb  
© 2013 - KTB. Todos os direitos reservados.

Arquivo de Newsletters

MenteCorpoSaúde

Adoçantes artificiais

Adoçantes artificiais

Estudos clínicos demonstraram que os adoçantes artificiais estimulam o apetite, aumentam o desejo de ingerir hidratos de carbono e produzem uma varidedade de disfunções metabólicas que promovem a acumulação de gordura e o aumento de peso.

ler mais »

Newsletter do mês

Polimedicação - Newsletter nº53

Polimedicação - Newsletter nº53

Vivemos hoje em dia um enorme e arriscado problema de polimedicação, também conhecido como a “doença do saco”.

ler mais »