Newsletter

   
KTB
show/hide Cesto de Compras (0 items)

Dores de cabeça - Newsletter nº25

26/03/2014

ktb  
ktb
ktb
ktb
ktb
Março 2014
ktb

As Dores de Cabeça, tecnicamente chamadas de Cefaleias, são de vários tipos e com inúmeras possíveis etiologias. Podem ser sentidas em qualquer idade e com prevalência no sexo feminino.

Manifestam-se como uma dor contínua sentida na cabeça. Esta dor pode estar localizada em qualquer região da cabeça com possível extensão ao pescoço. Como o cérebro não possui recetores de dor, as cefaleias não são sentidas no cérebro mas sim em estruturas neurológicas em redor do cérebro.

A Sociedade Portuguesa de Cefaleias rege-se pela classificação da Sociedade Internacional de Cefaleias( International Headache Society):

Enxaqueca – cefaleia recorrente manifestando-se durante 4 -72 horas. As características comuns são localização unilateral, de forma pulsátil, de intensidade moderada a severa, agravamento com atividade física de rotina com ou sem náusea e/ou foto e fonofobia.

Dores de cabeça por contração muscular (tensão) – episódios não frequentes, tipicamente bilaterais, sensação de aperto ou pressão,de intensidade ligeira a moderada com duração de minutos a dias. A dor não se agrava com a atividade física de rotina e não apresenta sintomas de náusea ou foto e/ou fonofobia.

ktb

Cefalalgia autonómica do trigémeo – ataques com dores severas, estritamente unilaterais com localização orbital, supraorbital, temporal ou em qualquer combinação destes locais, com duração entre 15-180 minutos, podendo ocorrer em dias alternados ou até 8 vezes no mesmo dia. Este tipo de cefaleia apresenta outros sintomas como a lacrimação, congestão nasal, rinorreia, sudação facial, miose e/ou edema das pálpebras.

Outros síndromes de Cefaleias Primárias – esta definição inclui um grupo de cefaleias primárias que são clinicamente heterogéneas. A patogenese é pouco conhecida e o tratamento é sintomático.

Na maioria das vezes as Dores de Cabeça são um sintoma e não uma doença. Como se pode verificar muitos podem ser os fatores causais das Dores de Cabeça. Para efetivo tratamento desta condição clínica há que investigar a sua causa. Normalmente as Dores de Cabeça são temporárias e desaparecem assim que se atacar a origem, no entanto, se as dores persistirem é de considerar a ida ao médico Neurologista.

Independentemente da origem das Dores de Cabeça existe um mineral que irá certamente ajudar neste quadro clínico. Este mineral é o magnésio!

ktb

O magnésio, amplamente conhecido, tornou-se popular pela sua vasta ação no organismo. Com mais de 300 funções, este mineral tem como principais ações no nosso corpo as seguintes: relaxante muscular, vasodilatador arterial (prevenindo a hipertensão), contribui para um sistema nervoso saudável, preventivo da fadiga e acelerador da recuperação muscular.

Se associarmos ao magnésio a sua função homeopática, obtemos então o Sal de Schussler nº 7 Magnesium phosphoricum.

ktb

Segundo o médico alemão Wilhelm Schussler (1821-1898) a administração mais eficaz de minerais é aquela que é feita através dos minerais homeopatizados ou seja diluídos.

A Homeopatia consiste em diluições, contudo se a diluição for baixa, como é o caso do Sal nº 7 Magnesium Phosphoricum. Assim, para além da ação homeopática, teremos também o mineral presente na sua forma molecular.

Administrar Sais de Schussler consiste então em dar ao organismo o mineral (efeito bioquímico) e ao mesmo tempo estimular o organismo a estar mais predisposto à sua absorção (efeito homeopático).

Por este motivo torna-se uma forma muito segura e eficaz de administrar o magnésio independentemente da idade, condição clínica ou fármacos que estejam a ser concomitantemente tomados.

Posologia

6 - 11 anos
Aguda: 1 a 4 comprimidos por dia
Crónica: 1 a 2 comprimidos por dia

12 - fase adulta
Aguda: 1 a 6 comprimidos por dia
Crónica: 1 a 3 comprimidos por dia

Solução "Hot 7":

ktb

Não obstante a eficácia da posologia estipulada para a administração do Sal nº 7 Magnesium phosphoricum no combate e prevenção das Dores de Cabeça, sabe-se que nas crises agudas de dores (independentemente da localização) a posologia conhecida por "Hot 7" tem uma resposta muito positiva na redução da dor. Este modo de toma consiste então em adicionar a meio copo de água quente/morna 10 comprimidos do Sal nº 7 e beber em pequenos goles.

Outras Medidas Complementares

ktb Ingerir bastante água

ktb Beber sumos naturais de frutas e legumes

ktb Retirar da dieta alimentar todos os alimentos que contenham glutamato de sódio (E621 usado como intensificador de sabor) e aspartame (E951 usado como um edulcorante artificial) pois estes estão relacionados com o desenvolvimento de cefaleias
ktb Evitar o consumo de alimentos ricos em tiramina (queijo, chocolate, cafeína, peixe fumado e salsichas) ktb
ktb Preservar uma função hépato-biliar saudável através de uma alimentação sem laticínios, gorduras e alimentos processados e consumindo infusões de cardo-mariano, boldo e borututu
ktb Infusões ou tinturas de cidreira, alfazema, camomila, flor de laranjeira, hortelã, ou tília, poderão aliviar esta condição
ktb Ter um intestino saudável e regular
ktb Fazer exercício físico saudável e moderado.


ktb
DESTAQUE:
Temos o prazer de informar que a nossa próxima formação será na zona centro no dia 5 de abril.
Tema: Os Sais de Schussler e Linha mamanatura: Como se complementam na Pediatria
Palestrante: Dra Cátia Antunes (Naturopata)
Hora: 14h30
Caso queira participar, por favor contacte-nos através de:
21 418 8407 ou info@ktb.pt (número de lugares limitado).

ktb

Com a aproximação das férias da Páscoa, vêm também as viagens de carro, comboio ou avião para uma pequena e merecida escapadela nesta altura. E se alguém da família sofre de enjoo de viagem, o início e o fim destas mini-férias torna-se um martírio para quem sofre e para quem vê a sofrer.

O que causa o enjoo de viagem?

As náuseas, as tonturas e os vómitos causados por qualquer tipo de movimento do transporte são desencadeadas por mensagens exageradas recebidas pelo nosso cérebro. Poderá estar sentado, sem se mexer no seu lugar, mas os seus sentidos informam-no que está em movimento e tentam compensá-lo. Há pessoas mais sensíveis do que outras e as crianças habitualmente são hipersensíveis.

O que se pode fazer?

Os medicamentos contra o enjoo podem causar efeitos secundários, nomeadamente sonolência. A medicina complementar apresenta aqui uma opção válida: a Sea-Band pulseira anti-enjoo.

ktb

Desde há 4 000 anos, a medicina chinesa tem utilizado a acupressão - o mecanismo de ação da Sea-Band fundamenta-se nestes princípios. Estudos clínicos demonstraram que uma pressão constante no trajecto do nervo localisado no pulso, o chamado ponto P6 (Ponto Nei-Kuan), evita a náusea associada ao enjoo de viagem, diminuindo assim o risco de vómito. Este ponto é fácil de localizar – ponha os dedos indicador, médio e anelar de uma das mãos sobre o lado interno do pulso, com a borda de dedo anelar sobre a dobra do pulso. O ponto P6 fica exatamente por baixo do dedo indicador entre os dois tendões (consultar imagem).

Para obter o máximo benefício do efeito da Sea-Band recomenda-se que as duas pulseiras sejam colocadas aproximadamente 15 minutos antes de iniciar a viagem. No entanto, se se esqueceu de as colocar, pode ainda fazê-lo durante a viagem, mesmo quando já sente o enjoo.

Apresentamos aqui mais algumas dicas para ajudar no alívio do enjoo de viagem:

- no carro ou autocarro, sente-se à frente e no comboio, sente-se sempre na direção em que está a viajar.

ktb

- no barco fique ao nível da água e no centro do barco em vez de um dos lados e se possível no exterior.

- não ingira comidas pesadas ou ricas em gordura antes de viajar.

- mantenha as crianças ocupadas: jogar ou olhar para fora da janela pode ajudar.



ktb
ktb
ktb
ktb
Morada Estrada Nacional 249/1 Edifício SKF, Lote 1, Casal de Alfragide
2720-413 Amadora
Telefone (+351) 214 188 407 / 214 177 672 Telemóvel (+351) 91 439 62 67
Fax (+351) 214 188 409 E-mail info@ktb.pt Site http://www.ktb.pt
ktb
ktb
ktb  
© 2014 - KTB. Todos os direitos reservados.

 

Arquivo de Newsletters

MenteCorpoSaúde

Adoçantes artificiais

Adoçantes artificiais

Estudos clínicos demonstraram que os adoçantes artificiais estimulam o apetite, aumentam o desejo de ingerir hidratos de carbono e produzem uma varidedade de disfunções metabólicas que promovem a acumulação de gordura e o aumento de peso.

ler mais »

Newsletter do mês

Polimedicação - Newsletter nº53

Polimedicação - Newsletter nº53

Vivemos hoje em dia um enorme e arriscado problema de polimedicação, também conhecido como a “doença do saco”.

ler mais »